quinta-feira, 18 de abril de 2013

Dominar

O Cristo que domina nas igrejas, que elimina o Jesus bíblico, é o Cristo dos que dominam.


D. Solle

9 comentários:

Anónimo disse...

De facto! Cada vez que vejo, nas igrejas, o Cristo crucificado, impotente na sua humildade amorosa, só vejo o Cristo dos poderosos. Não tinha pensado nisso.

Pedro Piúças

Anónimo disse...

vocês vão-me desculpar mas essa Igreja de que falam... é qual? É um bocado complicado esta posição de diabolização da Igreja ...ela é assim tão má? Conheço alguns padres e consagradas, leio algumas coisas do Papa e dos Bispos, lido com alguns católicos e não encontro essas pessoas malvadas que às tantas parece que se deslocaram todas para a Igreja e tomaram desde o inicio conta dela (Segundo Bento Domingues a conjura teria tido inicio logo com os apóstolos: gente obsecada pelo poder, que capturou Cristo e o redistribui de acordo com um diabólico plano de poder)!!! Que poder de atração do mal terá esta Igreja??? É que se a ideia é 'bater' na Igreja por nela se instalarem muitas 'almas' imperfeitas...vale mais montar artilharia da pesada pois será assim até ao fim dos tempos! Ou alguém está à espera de uma remessa de seres perfeitos (eleitos?!!) vindos quiça de outro planeta? Ou estão decide-se que os homens não terão nunca capacidade de se entenderem como organização, mas então acabe-se com ela já!!!! Fique cada um por conta propria! Acabe-se também com a familia (essa estrutura de poder, castradora da individualidade!)Mas acabe-se também com a humanidade (meu Deus! Não será isto também falta de confiança nos homens e em Deus?). Não estou nada de acordo com este discurso moralista sempre a ver o copo meio vazio. É o mesmo discurso e a mesma postura que me faria andar todos os dias à cacetada com os meus pais, com a minha mulher, com os meus filhos, com os meus irmãos e com os meus colegas de trabalho pois nenhum deles é anjo.... É infelizmente esse o discurso que encontro não raras vezes associado às correntes mais progressistas.
Jácome

Anónimo disse...

Jacome... pois é, a gente bem tenta celebrar ali a Ressurreição… mas nota-se ainda muito rosto triste ao sair desses lugares, mais parecem ter assistido às exéquias de Cristo ao saírem dali apressados deixando-O para trás crucificado na cruz, aguardando, como quem espera a próxima ronda do encontro cristão semanal, nessas corridas que ainda carregam tão pouco as aragens de gente redimida por um Cristo que já ressuscitou de uma vez por todas…! Quando os Evangelhos penetrarem totalmente no coração das gentes e nos templos, acabam-se todas as grilhetas que impedem esse Jesus de descer da cruz… quando isso acontecer, os dominadores ficam de mãos vazias também para serem eles também libertos e ressuscitados por Ele! Os escuteiros na formação do Crisma fizeram uma vez a experiência de ficaram num Domingo à porta do templo, e nem queiram saber os escritos-relatórios deles na semana seguinte na formação para fazermos a avaliação sobre o tema.. nem vale a pena transcrever aqui… ! Valha-nos alguns rostos que incendeiam e iluminam aquelas portas dos tempos…! Testemunhos!!!

Saudações

Peter

Anónimo disse...

Exacto Jácome. Só os progressistas, tipo Peter, é que demonizam os demais.

Anónimo disse...

http://www.religionenlibertad.com/articulo.asp?idarticulo=28743

Anónimo disse...

E Jacome, Bento Domingues não disse mentira nisso que refere: (Segundo Bento Domingues a conjura teria tido inicio logo com os apóstolos: gente obsecada pelo poder, que capturou Cristo e o redistribui de acordo com um diabólico plano de poder)!!!.. ou ainda não leu aquele episódio dos dois irmãos (para não citar outros) que arranjaram tudo com a mãe para ficarem os dois com lugar cativo ao lado de Jesus…! Sendo santos, não deixaram de ser seres tão humanos como o Jacome , eu e outros! Ora, não me venha dizer que no mais escondido do ser humano não se esconde esse sedezinha do poder.. ou quem está na Igreja está imune a tal coisa!
Saudações

Peter

Anónimo disse...

Peter, então de acordo com o que julgo depreender do seu raciocinio, os primeiros 'dominadores' foram os apóstolos (concorda?), mas legaram-nos apesar de tudo, em conjunto com os 'dominadores' do Antigo Testamento, a Palavra do Senhor. É tudo 'gente má´ mas benditos sejam....Ao longo dos seculos um conjunto de 'gente mal formada' encarregou-se de não deixar no esquecimento a Palavra do Senhor, benditos sejam. Nos dias que correm, um conjunto de 'obscuros homens', dirigem e ensinam nos seminários, uns seres, apenas inocentes à data da entrada, mais tarde, depois de destruidos e reconstruidos (por essa organização malevola) destinados a prolongarem esta saga.....benditos sejam.....
Amo a Igreja (com todos os seus defeitos)
Jacome

Anónimo disse...

estas discuções reforçam a minha fé, pois de facto somos todos muito 'fraquinhos' e a Igreja também, o que prova que Deus nunca nos abandona, e nos ama muito, a nós e à Igreja, pois com cepa tão pobre muito se pode construir. O que não concordo é com um tom tão pessimista. Recordo as sábias palavras de alguém: tenhamos as mesmas expectativas que Deus tem para connosco e para com a sua Igreja, mas também a mesma misericordia
Saudações
Jacome

Anónimo disse...

Jacome, e o que é que uma coisa tem a ver com a outra, os santos fazem-se do barro que os forma, e não é porque são os Discípulos que vamos agora entra numa espécie de “negacionismo”, por alguma razão Deus olhou para eles e amou-os profundamente com compaixão, e uma dessas razões, estou seguro, foi pelo seu pecado como o faz também ainda hoje a mim, a si e a todos…! E não foi Paulo que escreveu na sua carta aos Coríntios que eles, os Discípulos carregavam esse TESOURO em vasos e barro…?! Ora essa, mas agora só os “puros” é que estão aptos e autorizados por Deus a levar e anunciar a Boa Nova… nem os Discípulos o eram… pobre barro que carregavam… o Evangelho abunda nesses relatos, quanto mais nós … e qual é o problema em acolhermos o que somos… mas por que raio andamos sempre a lavar as mãos nessas talhas da purificação presumindo de que só os outros são os “pobres pecadores”.. e é por eles que temos que fazer essas tão absurdas orações de desagravo…!

Peter

Para quando a primeira cardeal?

É inovação do Papa a nomeação de cardeal de um bispo auxiliar? O Papa Francisco disse no domingo que vai fazer cinco novos cardeais. Um de...