sexta-feira, 2 de setembro de 2011

2 de Setembro de 1910. Morre o pintor Henri Rousseau

Henri Rousseau, o empregado de alfândega que pintava quadros "naives" e primitivistas, nasceu no dia 21 de Maio de 1844 e morreu pobre no dia 2 de Setembro de 1910, em Paris.


Há dias Bento XVI (ler aqui a alocução sobre a arte e o divino) lembrou frase de Chagall que diz que os pintores mergulharam os seus pincéis, durante séculos, no alfabeto de cores que e a Bíblia (uma frase já aqui citada). Esta "Eva" de Henri Rousseau é mais um exemplo disso.

Sem comentários:

Os dois maiores erros da história de Portugal

António Rendas, reitor da Universidade Nova (de partida) e durante dez anos reitor dos reitores portugueses, diz que "expulsar os judeu...