terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Eu cliquei num banner...

Jesus, Gandhi e a Madre Teresa clicam pela UNICEF. Eu sei que alguns católicos não gostam de determinadas práticas deste organismo das Nações Unidas, mas os vídeos... Ainda não parei de rir. Obrigado, H.V.





6 comentários:

Anónimo disse...

Jesus a ser caricaturado? Ainda não vi cristãos a invadirem embaixadas ou consulados nem a matarem quem quer que seja nem o Obama a dizer que "o futuro não pertence a quem ofende o Deus dos cristãos".

Anónimo disse...

Jesus a ser caricaturado? Ainda não vi cristãos a invadirem embaixadas ou consulados nem a matarem quem quer que seja nem o Obama a dizer que "o futuro não pertence a quem ofende o Deus dos cristãos".

Jorge Pires Ferreira disse...

Não me parece que Jesus seja caricaturado. Há uma católica, um judeu e um hindu que tinha simpatia pelas bem-aventuranças que entram numa publicidade com muita piada. Não há desrespeito. Jesus rir-se-ia disto porque tinha bom senso e humor.

Anónimo disse...

Exacto. Se o retratado fosse Maomé, nunca um muçulmano diria o que o Jorge disse, pois não?

Jorge Pires Ferreira disse...

Penso que não. E é também por isso que prefiro Jesus Cristo. E não acredito em Maomé.

Anónimo disse...

O primeiro vídeo o Ricardo Araújo Pereira tb o colocou no seu blogue. Isto roça a formação tipo Herman José. Colocar Jesus a nível ridículo. Quando sabemos que Madre Teresa foi o que foi por causa de Jesus... Mas pronto. Sim gostava de lá ver o Maomé nesta treta... Bom natal. Mas acho ridículo colocar Jesus à mesa e a ser ridicularizado. Mas alguns gostam.

Lucas 15, a esquerda e a direita

Tem piada o artigo de Inês Teotónio Pereira, "A esquerda que queremos ser", no DN de ontem. "Somos [os da direita] aquele i...