terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Croissants mornos para Bento XVI

Aura Miguel na RR (ler tudo aqui):

Há dias, durante o pequeno-almoço, o Papa não estava na sua mesa habitual, nem em qualquer outro lado. Começou a gerar-se uma grande agitação, com vários homens de fato escuro e agentes de segurança enervados a passar revista a toda a casa. Onde estava o Papa? Por onde se teria metido? Toda a gente foi interrogada, a casa passada a pente fino, mas nada! Depois de uns valentes minutos de angústia, descobriram-no finalmente. Bergoglio caminhava pelo jardim, com passada decidida e um saco de papel na mão. Quando finalmente os homens da segurança lhe falaram do susto devido à sua ausência inesperada, Francisco riu-se e explicou que ia ao mosteiro Mater Ecclesia, onde vive Bento XVI, levar-lhe uns croissants mornos, "acabadinhos de fazer, como ele gosta".

4 comentários:

Anónimo disse...

Quero apenas dizer q nós catolicos às vezes também podemos sentir orgulho....neste caso sem qq maldade e sem qq sentido de exclusividade pois ele é de todos e de quem o quizer
jacome

Anónimo disse...

Quero apenas dizer q nós catolicos às vezes também podemos sentir orgulho....neste caso sem qq maldade e sem qq sentido de exclusividade pois ele é de todos e de quem o quizer
jacome

Anónimo disse...

A mexeriquice de Aura Miguel... ridículo.

Anónimo disse...

Pois mas são estas mexeriquices que constroem. A Aura faz um papel fantástico enquanto alguns só sabem dizer mal e nada fazem para que o nome de Deus se projecte. Sempre admirei a Aura sem a conhecer pessoalmente.

Para quando a primeira cardeal?

É inovação do Papa a nomeação de cardeal de um bispo auxiliar? O Papa Francisco disse no domingo que vai fazer cinco novos cardeais. Um de...