quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Tua

Sou tua, porque me criaste,
Tua, porque me redimiste,
Tua, porque me sustentaste,
Tua, porque me chamaste,
Tua, porque me atendeste,
Tua, porque não me perdi.

Teresa de Ávila (1515-1582)

Sem comentários:

Lucas 15, a esquerda e a direita

Tem piada o artigo de Inês Teotónio Pereira, "A esquerda que queremos ser", no DN de ontem. "Somos [os da direita] aquele i...