terça-feira, 22 de janeiro de 2013

O Papa só dá o privilégio do branco a algumas

Na "Flash" de há dias. Se é como diz a notícia, e não há motivos para pensar que não, não nos cansamos de surpreender com os protocolos vaticânicos.

Agora compreendo o que dizia um antigo colega de trabalho dado aos grafismos: "Branco, branco, isto precisa de mais branco". 

2 comentários:

Anónimo disse...

Pois é. Mais uma evidência de que a Igreja Católica é racista. O essencial é voltarmos à Bíblia interpretada segundo o nosso apetecer. Hoje mesmo, quando vi uma nuvem, pensei: sou um profeta. Espirrei logo de seguida para expelir o excesso de inspiração que me preenchia a alma. Alguém, que cruzava a rua nesse momento, ficou logo contagiada com a beleza dos meus espirros e converteu-se imediatamente à minha fé. Que belo! Hoje a minha fé é diferente da que tinha ontem. Sabem? Ontem acreditava que Jesus era apenas Deus e Homem; hoje, não aceitando o que a Igreja diz através de palavras humanas, acredito que Jesus, além de Deus e Homem, também era um Morango. Sabem? É o que diz a Bíblia: «no princípio o Verbo estava com Deus», mas se diz no "no princípio", quer dizer que agora já não está, donde tem que ser, também, um Morango. Venham todos, caros amigos, juntem-se a mim e construamos um futuro melhor! Venham e expulsemos da Igreja quem não aceita a nossa fé! Venham!

Anónimo disse...

Olhe lá, é melhor deixar de cheirar esse pó que lhe deram e o faz espirrar. Está-lhe a fazer mal...

Semana dos Seminários

Parece que se dizem agnósticos (ou o mais conhecido deles). Mas a simbologia católica (sim, mais católica do que simplesmente protestante ou...