quarta-feira, 7 de março de 2012

Aumentam os peregrinos a pé para Compostela


No DN de hoje. As modas religiosas, nos dias que correm, incluem a peregrinação a pé a Compostela e, em menor grau de moda mas em maior de popularidade, a Fátima. Conheço algumas pessoas que o fazem há muito tempo e com grande seriedade e busca espiritual. Mas também vejo crescente número de pessoas que o fazem "pela experiência", pela caminhada. Podiam caminhar até ao Penhasco do Mesão, à nascente do Raiva ou à Pedra Limpa que o resultado era o mesmo. Só que até Compostela os caminhos estão marcados. E é mais cosmopolita. Mais céltico. Pode-se encontrar o Paulo Coelho. E os outros sítios acabei de inventá-los.



Até o GPS dos jovens universitários guiados pelos jesuítas inclui umas páginas sobre peregrinações, com lacunas graves. Deixo algumas sugestões para futuras edições: Onde se compram bordões com ponta de aço? Quais as mochilas de peregrino mais adequadas? Onde encontrar botas a parecer usadas, mas chiques? Ao menos uns links.



5 comentários:

HD disse...

Há quem faça das peregrinações a Santiago ou a Fátima , um roteiro turístico…
Alguns acabam por descobrir no final, que Deus despontou na sua vida,
E voltam a retornar em busca de…
Há quem o faça como um exercício de caminhada com determinados pontos de esforço físico e espiritual…procurando…escutando …orando…
Conheci varias pessoas que se converteram ou “voltaram a casa do Pai”,depois de uma caminhada destas….Não há métrica racional, que nos explique isto…Fosse numa de “tias e tios beneton” ou junto de “gente simples e analfabeta” que o fazem há 30 anos…
Para quem trabalha na evangelização de jovens, pode ser uma boa “ferramenta” :)
Pessoalmente utilizo-a neste âmbito..Assim como, espaço de retiro pessoal.
Recomendo ….

DICAS:
“Onde se compram bordões com ponta de aço?”
3 hipoteses
1 – adquirir um bastão de marcha retráctil numa declathon ou sport zone
2- Adquirir em algumas lojas espanholas junto a alguns dos caminhos de santiago possíveis- um bastão de madeira com ponta de ferro
3- arranjar uma varola de eucalipto ,apará-la com a altura dos ombros e com um diâmetro de 3 cm.
“Quais as mochilas de peregrino mais adequadas?”
Carga de 40 lt, leves e impermeáveis – indicadas para fazer trekking ligeiro com dormida acantonado (albergue)
“Onde encontrar botas a parecer usadas, mas chiques?”
As botas devem ser de caminhada ou seja com abas para o tornozelo,para diminuir risco de entorses nesta zona.
Se possível impermeáveis, para manter os pés secos.
Só se caminha com botas já usadas, porque quem vai estrear botas numa peregrinação\caminhada poucos km vai conseguir fazer, sem rebentar os pés com bolhas.
O serem chiques é irrelevante,pois já existem boas botas de marca branca com os requesitos anteriores para trekking ligeiro.
Links úteis para quem queira fazer o caminho de santiago ou o de Fátima (pelo Caminho do Tejo)
http://www.caminho.com.pt/
http://www.caminhoportuguesdesantiago.com/PT/etapa_4_3.php
http://www.caminhodesantiago.com/
http://aej.alojamentogratuito.com/

HDias

Anónimo disse...

Não percebo a "piada" relativamente às recomendações incluídas no GPS... O que está errado? O que está incorrecto? Não parece saído do autor deste blogue.

A Igreja precisa de jesuitas. Sempre precisou e hoje mais que nunca. A Palavra é difundida com inteligência. Primam pela educação e pelo respeito que dignificam a comunidade. Muito obrigado.

Jorge Pires Ferreira disse...

HD, obrigado pelas dicas. No entanto, pelo facto de mas dar, não deve ter percebido a ironia. Quanto ao resto, obviamente concordo consigo.

Anónimo das 14h59: Não há nada de errado nas recomendações do GPS (nas leituras recomendadas, parece que não há mais nada do que jesuítas e editora AO, mas essa é outra história). Mas se até já há recomendações sobre como peregrinar, coisa que antes era para gente do povo, que pagava sacrifícios, e não para elites... quer dizer que é moda. Mas também não há mal nenhum nisso. A modo colectiva pode ser feita de virtudes individuais.

Quanto aos jesuítas, não tenho nada contra, pelo contrário, como poderá ver na etiqueta Jesuítas.

Não tenho nada contra jesuítas nem dominicanos, nem Opus Dei, CL, franciscanos ou Boa Nova... Gosto deles todos e acho que todos são necessários, já que nenhum esgota tudo. Os únicos que dispensaria são os... bem, não digo, porque mesmo não os apreciando, têm o direito de andar por aí.

HD disse...

Percebi a ironia e o mote da moda ,embora só concorde parcialmente, pois a Igreja está cheia de diversidade no caminho para Lhe chegar.Bom caminho:)
HDias

Anónimo disse...

Hi there every one, here every person is sharing such knowledge, thus it's fastidious to read this webpage, and I
used to pay a quick visit this blog all the time.


Feel free to surf to my page - goji pro como tomar as capsulas

Os dois maiores erros da história de Portugal

António Rendas, reitor da Universidade Nova (de partida) e durante dez anos reitor dos reitores portugueses, diz que "expulsar os judeu...