domingo, 27 de abril de 2014

Bento Domingues: "A noção de infalibilidade tem pouco de infalível"

Início do texto de Bento Domingues no "Público" de hoje:

Hoje é domingo de canonizações, de surpresas e decepções. Fizeram-me, a este respeito, uma pergunta estranha: será verdade que uma canonização envolve a infalibilidade pontifícia?

Digo estranha porque, nas questões de ordem teológica, o que me preocupa, em clima cristão, é saber se um determinado acontecimento, atitude, gesto ou palavra servem a dimensão imanente e transcendente dos seres humanos, como criaturas de relação e de interajuda. Respondi que uns teólogos dizem que sim e outros dizem que não. Sabem tanto uns como outros. Estamos, portanto, em matéria opinável. Como a própria noção de infalibilidade tem pouco de infalível, é melhor não ligar muito a esse género de preocupações.

2 comentários:

Anónimo disse...

Pedro o primeiro líder da Igreja nem ele próprio tinha certezas nenhumas sobre a sua fidelidade ao Amor ao ponto de abandonar Jesus a quem havia afirmado que daria a vida por Ele e ainda há quem gaste tempo com o tema! /o homem tinha lá tempo para pensar nessa coisa da infalibilidade/ a sua preocupação era apenas humana porque se conhecia/sabia bem humano /e se não sabia/ o que duvido nele como em qualquer um de nós incluindo os papas / o homem teve tempo de sobra para aprender essa dura lição da fragilidade e limitação humana!

Mas há ainda quem teime em voltar aos jardins do Getséman(s) da vida humana como quem anda há procura de experienciar também outro tombo do tamanho da queda de Pedro para deixar-se de uma vez por todas dessas veleidades infalivelmente tontas! 2000 anos e não aprendemos nada ainda!

Anónimo disse...

Notícia de Ultima Hora, Dom Antonino Eugénio Fernandes Dias (bispo de Portalegre/Castelo Branco) será o novo Bispo de Aveiro.

A notícia é oficiosa, mas era brevemente oficializada. Esta decisão deixará vacante a diocese de Portalegre/ Castelo Branco, resolvendo o problema de uma, transferindo-o para outra fazendo lembrar o jogo das cadeiras. A continuar assim os bispos darão a volta e voltarão á posição inicial…

Os dois maiores erros da história de Portugal

António Rendas, reitor da Universidade Nova (de partida) e durante dez anos reitor dos reitores portugueses, diz que "expulsar os judeu...