quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Contra a fidelidade canina aos partidos


Luigi Sturzo, padre, fundou o Partido Popular Italiano em 1919, o primeiro de "inspiração católica". Mas explicou que "os dois termos («partido» e «católico») são antitéticos; com efeito, o catolicismo é religião, é universalidade; o partido, inversamente, é política, é divisão".

(Sturzo opôs-se ao fascismo e teve de se exilar, primeiro em Londres e depois em Nova Iorque.)

Cá está uma boa razão para os católicos poderem mudar de partido à vontade.

Sem comentários:

Ainda o milagre dos dois pastorinhos

“Não posso dizer mais nada. O novo regulamento da Causa de Todos os Santos refere explicitamente que o autor da causa [bispo de Leiria-Fáti...