quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Defesa improvável do pecado original por Alain de Botton

A religião tem mantido utilmente uma visão sóbria, algo que o mundo secular tem sido demasiado sentimental e cobarde para aceitar, sobre as nossas possibilidade de superarmos os factos brutais das nossas naturezas corrompidas.

Alain de Botton, pág. 181 de "Religião para Ateus"

Sem comentários:

O casamento no tempo de Jesus e no nosso

Isto não é para justificar o laxismo no casamento católico. É para questionar a continuidade do casamento cristão em relação ao casamento n...