segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

O Papa vai renunciar no dia 28 de fevereiro

O Papa vai renunciar no dia 28 de fevereiro.

Grande decisão a de Bento XVI. Só falta que o Bispo de Roma faça como todos os outros, que aos 75 anos apresentam a disponibilidade para deixarem de estar à frente das suas dioceses. Quem diz 75 diz 80 ou qualquer outra idade. 

9 comentários:

Anónimo disse...

Só lamento que tal decisão tenha sido anunciada em pleno Carnaval. Podiam ter esperado por Quarta-feira de Cinzas. Atentos aos símbolos, poderiam ter esperado por uma data com outro significado. A Igreja precisa de grande purificação... Quaresmal, em muito amplo sentido...

Anónimo disse...

Tolentino Mendonça já está a dizer m€rd@ a partir de Roma! Com que então o último Papa a abdicar foi do século XII? Meu Deus! Não se lhe consegue colocar uma rolha na boca?

Anónimo disse...

Anónimo das 12:36. Também fiquei espantado quanto o ouvi dizer isso. A princípio fiquei a pensar que era um percalço, mas depois ele disse que Bento XVI é apenas o segundo Papa a abdicar, o que é, mais uma vez, totalmente falso. Tolentino devia ser mais humilde e não se por a falar, como acontece nos seus livros de espiritualidade, do que não sabe.

Anónimo disse...

tb não gosto do dito senhor tolentino mas passar a vida a dizer mal do homem parece-me no mínimo estranho ...

HD disse...

Eu não diria só estranho, mas algo doentio ... alguns sacro opinadores ,são tão bons "cristãos" nesta má lingua constante. Engraçado como para alguns tudo vai dar a Tolentino...
HDias

Anónimo disse...

Olhe, HD, ele que não se "ponha a jeito" com o que faz e diz.

nucleo oriental disse...

Sim sim...eu vejo o jeito dos grandes teólogos caseiros tão entendidos no pensar, mas com tanta dificuldade em ver as traves no seu olho
HDIAS

Anónimo disse...

Pois é. Deixe-me com a minha trave e olhe para a montanha no olho do Tolentino.

Anónimo disse...

12:35 PM

Olhe que até teve muito significado o anúncio pelo carnaval. :))))

Os dois maiores erros da história de Portugal

António Rendas, reitor da Universidade Nova (de partida) e durante dez anos reitor dos reitores portugueses, diz que "expulsar os judeu...