sexta-feira, 23 de março de 2012

A causa dos incêndios


Gerard W. Hughes, padre jesuíta, conta em “Deus de Surpresas” (ed. AO) como o moralismo católico (também o haverá noutras fés e religiões) pode fazer mal às pessoas sensíveis e imaginativas, o que, além de trágico, é uma perversão do Evangelho. E relata:
Após ter escutado, de modo especial, uma pessoa que sofrera uma tortura interior devido a tais ensinamentos, não fiquei nada surpreendido quando, em resposta à minha pergunta «Se estivesse completamente livre de todas as obrigações morais, o que é que mais gostaria de poder fazer?», ela respondeu: “Incendiar Igrejas”.

Sem comentários:

Os dois maiores erros da história de Portugal

António Rendas, reitor da Universidade Nova (de partida) e durante dez anos reitor dos reitores portugueses, diz que "expulsar os judeu...