quarta-feira, 7 de março de 2012

Anonymous ataca sítio do Vaticano



O grupo Anonymous atacou o sítio do Vaticano. Há momentos, ainda não era possível aceder a www.vatican.va. Os hackers, em mais uma cruzada, criticam:
- doutrinas, liturgias e preceitos absurdos e anacrónicos,
- as intenções de lucro no mundo inteiro,
- a escravidão de povos inteiros,
- a proteção aos nazis e pedófilos,
- a condenação dos preservativos e do aborto,
- a negação de teorias aceites como válidas ou plausíveis,
- as riquezas do Vaticano.


Dizem que não estão contra a religião cristã, mas contra a corrupta Igreja Católica. Eu também estou contra a corrupta Igreja Católica. Todos os cristãos devem estar. A parte do corrupta. Mas nesta altura - e em geral nas outras - estou solidário com o Vaticano, que também é Igreja.


(Os Anonymous escolheram a cara de um católico, Guy Fawkes, mas o slogan, "we are legion", remete para um dos demónios expulsos por Jesus nos evangelhos).

Sem comentários:

Lucas 15, a esquerda e a direita

Tem piada o artigo de Inês Teotónio Pereira, "A esquerda que queremos ser", no DN de ontem. "Somos [os da direita] aquele i...