sexta-feira, 24 de maio de 2013

24 de maio de 1844. A primeira mensagem em morse diz “What hath God wrought”


No dia 24 de maio de 1844, Samuel Morse (um convicto anticatólico) enviou um bocadinho do versículo Números 23,23, que diz “What hath God wrought” (“Não há magia que possa contra Jacob, nem encantamento contra Israel. Agora se dirá de Jacob e de Israel: «Vejam o que Deus tem feito!»” ou “Que maravilhas fez Deus”), ao seu assistente Alfred Vail, inaugurando a primeira linha de telégrafo e a era do morse. Samuel Morse estava no Capitólio (Washington). O seu assistente, em Baltimore, Maryland, a uns 57 km de distância.

3 comentários:

Euro2cent disse...

“The devil can cite Scripture for his purpose.
An evil soul producing holy witness
Is like a villain with a smiling cheek,
A goodly apple rotten at the heart.
O, what a goodly outside falsehood hath!”

― William Shakespeare, The Merchant of Venice

(Pregadores intelectualmente embriagados com a Biblia é o que mais abunda nos desmandos protestantes.)

Jorge Pires Ferreira disse...

Claro que o diabo cita as escrituras. E interpreta-as. É um exegeta nas tentações de Jesus (Mt e Lc).

Já agora, sabia que há uma teoria que diz que Shakespeare era um católico secreto?

Euro2cent disse...

> sabia que há uma teoria que diz que Shakespeare era um católico secreto?

Não, mas é plausível - na altura o cisma ainda estava fresco, e a igreja anglicana era mais uma questão de obediência do que doutrina.

O que é difícil perceber fora dos países de lingua inglesa é quanto a biblia KJV (King James Version) infundiu a linguagem e a literatura. Muitos titulos de livros modernos são citações ou alusões ...

Para quando a primeira cardeal?

É inovação do Papa a nomeação de cardeal de um bispo auxiliar? O Papa Francisco disse no domingo que vai fazer cinco novos cardeais. Um de...